SOBRE A ONROBOT

A OnRobot é uma empresa global com sede em Odense, Dinamarca, capital do «cluster» de robótica. Fornecemos ferramentas Plug & Produce End-of-Arm inovadoras que ajudam os fabricantes a tirar o máximo partido dos benefícios dos robôs colaborativos: fácil de utilizar, económico e seguro para ser utilizado juntamente com trabalhadores humanos.

Visão – Crenças

A nossa visão é ser a empresa líder em End-of-arm Tooling e oferecer aos nossos clientes soluções colaborativas inovadoras com a funcionalidade Plug & Produce.

Ao mesmo tempo, a nossa paixão centra-se em “fortalecer a sua colaboração” e é por isso que criamos os nossos produtos para serem o mais intuitivos, seguros e versáteis possível.

História

OnRobot A/S foi fundada em junho de 2018 como resultado da fusão de três empresas inovadoras End-of-Arm Tooling com o objetivo de facilitar o crescimento contínuo dos robôs colaborativos. A nossa nova empresa combina a Perception Robotics com sede nos EUA, a OptoForce com sede na Hungria e a On Robot com sede na Dinamarca, tornando-se na OnRobot A/S. Esta forte aliança impulsiona a inovação e facilidade de utilização para as ferramentas robóticas End-of-Arm Tooling.

A On Robot, fundada em 2015, fornecia garras elétricas plug-and-play — RG2 e RG6 — que são montadas diretamente no braço do robô e operam a partir da mesma interface que o robô sem serem necessários engenheiros. Em 2014, Bilge J. Christiansen, impulsionado pelo espírito empreendedor, dedicou-se à criação de uma garra inovadora sem cabos. Ebbe O. Fuglsang aliou-se a Bilge para desenvolver o software e a interface do utilizador para a garra RG2. Em 2015, foi estabelecida a On Robot ApS e foram vendidas as primeiras garras na Europa. Começou a surgir uma rede de distribuidores. Em 2016, a empresa recebeu investimentos substanciais de investidores privados e do The Danish Growth Fund. A rede de distribuição alargou-se para a Ásia, América do Norte e Oceânia. Em 2017 e 2018, a On Robot estabeleceu escritórios nos EUA, Malásia e Alemanha, enquanto a rede de distribuição se expandia para mais de 100 distribuidores em mais de 40 países.

Fundada em 2012, a OptoForce fornecia sensores de força/binário para conferir aos robôs industriais a sensação do toque para que pudessem automatizar tarefas que, de outra forma, iriam exigir a destreza da mão humana. A OptoForce começou como um spin-off universitário em 2012 e, depois, trouxe as tecnologias mais recentes da investigação robótica para a indústria. A história da empresa começou como um projeto universitário quando os dois fundadores da empresa – Ákos Tar, doutorando e József Veres, doutorando, estavam a estudar biónica e robótica na mesma turma na universidade. Em conjunto, começaram um projeto para construir um robô de duas pernas. Uma das áreas em que estavam focados era no desenvolvimento dos sentidos do robô e, para isso, precisavam de medir as forças exercidas na perna juntamente com os eixos X-Y-Z. Desenvolveram uma estrutura em camadas na qual o silicone mudaria a sua forma quando sujeito a uma pesada, o que tornou as medições em todas as direções possível. A OptoForce foi apoiada por investidores de renome, como os investidores em capital de risco húngaros Day One Capital, Finext Startup e Momentum, bem como Enrico Krog Iversen, antigo CEO da Universal Robots.

A Perception Robotic, fundada em 2012 e sediada em Los Angeles, desenvolveu garras robóticas de inspiração biológica: uma garra inspirada nos geckos para manusear objetos grandes e planos e uma garra tátil com sensores tácteis de borracha compatíveis (“pele”) que conferem ao robô a sensação de toque.